Coluna Top Social!

Coluna Top Social!
Coluna Domingo Top no Jornal Extra!

sábado, 27 de julho de 2013

BATIZADO DA PARELHA DE TAMBOR NA PRAÇA DA FAUSTINA

Neste sábado, 27, acontece na Capela de São Benedito na Praça da Faustina (Praia Grande) o batizado da parelha do Tambor de Crioula, organizado pela produtora cultural Carla Coreira que vem revitalizando o espaço e valorizando essa bela manifestação da Cultura genuína de nosso Estado.
A parelha é o grupo de três tambores (grande ou rufador, meião ou socador e crivador ou pererengue) que afinados a fogo, e tocados à mão, fazem o ritmo e a marcação da brincadeira.
Essa conquista da própria parelha do Tambor de Carla Coreira deu-se graças ao apoio da Secretária de Cultura do Estado, Olga Simão, que possibilitou a sua aquisição reconhecendo o trabalho social e cultural que a produtora vem realizando.
Na ocasião, haverá roda de tambor de crioula começando a partir das 16h. Uma suculenta feijoada será servida aos presentes e haverá também discotecagem do DJ Girleno, a Lenda, e convidados.
A iniciativa recebe ainda o apoio cultural do Restaurante Desejo de Catirina e da Loja Abolição.
 
CARLA COREIRA - Foi dançando nas rodas de tambor de crioula, em São Luís, que Carla Belfort, conhecida também como Carla Coreira, ganhou notoriedade nacional. Filha de Dona Roxa, caixeira do Divino Espírito Santo e do Cacuriá de Dona Teté, Carla viu a sua vida mudar por conta do tambor de crioula. E principalmente, quando foi notada pelo escritor e poeta Aruano Suassuna na ocasião da I Feira do Livro realizada na capital maranhense.
A dançarina contou que sempre gostou de dançar tambor e que sempre acompanhava a mãe em suas apresentações. A paixão foi se fortalecendo ao se tornar uma das coreiras do Tambor de Crioula de Mestre Felipe onde permanece até hoje. Mas a popularidade aconteceu mesmo quando o escritor pernambucano Ariano Suassuna a viu dançando tambor de crioula na Praça da Faustina. "O Ariano Suassuna foi o primeiro homenageado da Feira do Livro de São Luís e o pessoal da organização o levou para assistir uma apresentação de tambor de crioula. Quando ele me viu dançar ficou encantado e fez o convite para assistir a sua palestra. Como eu não fui e ele ficou citando o meu nome várias vezes, as pessoas começaram a perguntar quem era a dançarina que ele tanto falava. No dia seguinte tomei café da manhã com ele. Ele me disse que eu era uma princesa e dança com alma", lembrou o encontro a coreira. Carla afirmou que até hoje mantém contato com o escritor que já a convidou para quando a mesma for a Recife ficar em sua residência.
Desde 2006, Carla Coreira vem ministrando oficinas em todo o país (esteve em São Paulo e Rio de Janeiro em 2012) além de participar de campanhas publicitárias e de figuração. Como exemplo, participou da novela da rede Globo ‘Lado a Lado’, que teve como locação o Centro Histórico de São Luís. No período junino, anualmente, ministra oficinas de Tambor na Praia Grande para turistas e interessados em Cultura Popular.
Carla Coreira tem seis irmãos e dança tambor desde os cinco anos. Participa do Laborarte, inclusive, já fez viagens com o grupo artístico para diversos locais no interior do Estado, e também outras capitais, como Brasília e Fortaleza.
Realizou sua primeira viagem internacional em 2009, conhecendo a Irlanda, Inglaterra e Espanha.
 
 
Contatos: 98 8784 7347 (Carla Coreira)
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MUITO OBRIGADO PELO SEU COMENTÁRIO.