Coluna Top Social!

Coluna Top Social!
Coluna Domingo Top no Jornal Extra!

terça-feira, 26 de março de 2013

Pesquisa faz um resgate histórico-documental e iconográfico do Convento das Mercês


Estudo contratado pela Fundação da Memória Republicana Brasileira e executado pela Fundação Sousândrade servirá de base para trabalhos mais aprofundados
A Fundação da Memória Republicana Brasileira (FMRB) recebeu na tarde desta segunda-feira, 25, o Resgate Histórico-documental e Iconográfico do Convento das Mercês produzido pela Fundação Sousândrade de Apoio ao Desenvolvimento da Universidade Federal do Maranhão - FSADU. O registro que inclui livro e relatório bibliográfico é resultado de pesquisa sobre o acervo da FMRB realizada durante cinco meses por uma equipe de pesquisadores e servirá de base para estudos futuros.
“Assim que assumimos a Fundação percebemos a necessidade de fazer um levantamento mais aprofundado sobre o acervo e destacar sua importância histórica para a sociedade brasileira. Por isso, contratamos essa renomada instituição que executou com excelência este estudo, que agora norteará nossas ações futuras. O termo de referência elaborado pela FMRB também aponta outras possibilidades de pesquisa”, asseverou a presidente da FMRB, a advogada Anna Graziella Costa.
A pesquisa teve como principais objetivos a realização de um resgate histórico evidenciando a singularidade arquitetônica do prédio Convento das Mercês, sede da FMRB, a identificação estilística do acervo museológico existente no local, diagnostica as condições doa cervo bibliográfico, textual e audiovisual, mapear as ações das instituições presentes em diversos momentos da história do prédio e, por fim, indicar os usos futuros e perspectivas de ações para a FMRB, atual mantenedora do convento.
Para a coordenadora da pesquisa, Fátima Frota, o estudo é apenas o começo, um trabalho embrionário que motivará e embasará outras pesquisas mais substanciais. “Tivemos pouco tempo para produzir esse relatório, por isso é importante que a FMRB se transforme em um grande centro cultural e de pesquisa para que este estudo possa ter continuidade e seja aprofundado”, disse.
Segundo, a cientista social Valdenira Barros, que integrou o grupo de pesquisadores, por ainda não estar completamente digitalizado, o grande volume documental e a diversidade do acervo dificultaram o trabalho de pesquisa. “Mapeamos os tipos de documentos, analisamos as obras mais importantes, os espaços onde eles estão localizados e fizemos uma perspectiva de utilização para eles”, afirmou.
A equipe da Fundação Sousândrade que trabalhou na elaboração do relatório foi composta por 15 pessoas, entre pesquisadores e bolsistas, coordenados por Maria de Fátima Frota. O fotógrafo Edgar Rocha, que foi responsável pelo projeto gráfico do livro, também participou do projeto produzindo fotos e resgatando de seu acervo particular imagens antigas do Convento das Mercês que ilustraram os produtos da pesquisa.
A pesquisa está disponível para o público na Biblioteca Padre Antônio Vieira, na FMRB, e em no próximo mês também será disponibilizado em mídia digital no site da fundação no endereçowww.fmrb.ma.gov.br.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

MUITO OBRIGADO PELO SEU COMENTÁRIO.