Coluna Top Social!

Coluna Top Social!
Coluna Domingo Top no Jornal Extra!

quinta-feira, 16 de julho de 2009

Equipe da TV Difusora é barrada em vistoria na Ambev

A promotora Lítia Cavalcante impediu a entrada de nossa equipe de reportagem, permitindo a entrada somente da equipe de reportagem de uma outra emissora.
A fábrica da AmBev, localizada na BR-135, em São Luís, foi interditada parcialmente pelo Ministério Público e Vigilância Sanitária do Estado. A vistoria foi motivada por dois inquéritos abertos na promotoria de Defesa do Consumidor, que apontam a falta de condições de higiene para o funcionamento da empresa. A unidade interditada da AmBev é responsável pela fabricação das cervejas Brahma e Skol no Estado. Pelo menos 600 mil unidades são engarrafadas diariamente.Na hora da inspeção, foi determinado que os profissionais da imprensa não poderiam acompanhar a fiscalização pelas dependências da indústria. Os repórteres cinematográficos tentaram argumentar, mas não tiveram sucesso. Curiosamente,a equipe da TV Difusora foi barrada, enquanto a equipe da TV Mirante, filiada a TV Globo, teve a entrada liberada pela promotora. A repórter Natália Macedo tentou conversar com Lítia Cavalcante, mas não obteve sucesso. A equipe foi retirada do local. O repórter cinematográfico do outro veículo de comunicação permaneceu. A promotoria alegou que ele fazia parte da equipe do ministério publico.
Em nota a assessoria do Ministério Público informou que não há nenhum cinegrafista contratado diretamente pela Instituição. Disse ainda que a promotora que investiga a denúncia mostrada na reportagem, tem total autonomia para solicitar o que for necessário para desenvolver seu trabalho. E também lamentou o fato ocorrido com a equipe da TV Difusora.A assessoria do Ministério Público divulgou reportagem que confirma a interdição parcial da empresa no Estado. Teriam sido constatados problemas no processo de produção e até a falta de equipamentos de segurança.Em nota a Ambev afirmou que não recebeu nenhum documento de interdição da filial em São Luís, e que opera com licença sanitária e alvará do Corpo de Bombeiros atualizados e em vigor.A AmBev informou ainda que atua sob os padrões internacionais de produção e que os produtos da empresa têm total garantia de qualidade.

Um comentário:

  1. ISSO É UMA VERGONHA, O SEU BLOG TÁ MARAVILHOSO, PARABÉNS, MEU GRANDE AMIGO E ASSESSOR.

    BEIJOS E BENÇÃS.

    ALDINHA SOUSA.

    ResponderExcluir

MUITO OBRIGADO PELO SEU COMENTÁRIO.